30 junho 2010

Pós-parto.

No pós-parto, delicio-me a olhar para o bebé e vê-lo crescer. Esforço-me sempre por recordar que já vou com uns anos em cima e umas quantas gravidezes. Só isso justifica o meu ar pavoroso nas fotografias. É aguardar que as semanas passem e me devolvam alguma normalidade. Humpf.

29 junho 2010

Escrever histórias sozinha

Que ela já escrevia imensa coisa sozinha, já sabíamos há algum tempo. Agora, que escrevia histórias com sentido, dando para perceber quando lemos, ainda fico embasbacada. Não lhe ensinámos nada aqui em casa e na Escola limitaram-se a fazer o que é suposto no pré-escolar: explorar algumas letras. Tudo o resto, aprendeu sozinha, perguntando aqui e ali, enquanto construía estes livros que ela faz. (Como ela agrafou as páginas, há letras que ficaram "comidas" e que não se vêem aqui na fotografia)


Era uma vez uma estrela que sabia como a menina queria ser uma princesa.

E depois a menina começou ali a falar com a estrela.


E ela queria ser mesmo princesa.
Então viu uma nuvem.

Então a estrela disse que se ela fizesse o que ela mandava, que ela fazia o que ela mandava.
Depois da nuvem viu um coração.
Então a menina obedeceu à estrela.
Mas um dia a estrela concretizou o seu desejo. Então, a menina ficou feliz.
(Fartámo-nos de rir porque não conseguíamos perceber a palavra "Copertiose" que era "Concretizou".)


28 junho 2010

Joana, 5 anos

A minha sobrinha mais crescida já completa hoje 5 anos. Quando começa as frases com um: "Ó tia Ana Rute..." eu já sei que vem com uma pergunta qualquer, retirada de não sei onde. Gosta de conversar e quer sempre saber tudo o que estou a fazer com o Caleb. Assegura-se, quando ele está a dormir, que vai poder pegar nele quando acordar. É a prima mais crescida de todas, e já faz 5 anos! Parabéns, Joana!


Ao domingo cantamos juntos

"Quem é Deus acima do Senhor?
Quem é Rocha como o nosso Deus?
Dá força e protecção
Ele é a torre da libertação
Para quem confia no Senhor.

Quem é Deus acima do Senhor?
Quem é Rocha como o nosso Deus?
Dá força para lutar
E mostra onde devo eu andar
Glórias ao nome do Senhor."

Filho de peixe




27 junho 2010

.

Hoje em dia ser coerente é, aos olhos dos outros, ser fundamentalista.
Seja.

25 junho 2010

Adeus, pré-primária.

Chamam-lhe "Festa de Graduação" e só o nome me dava vontade de rir. Parece que agora, em todos os ciclos, há finalistas. Chegou a vez da Maria, e o que é certo é que se irá iniciar uma das fases mais determinantes da sua vida: vai começar a escola a sério. Se houvesse ensino primário nesta instituição, não a tiraríamos de lá por nada. Foram 3 anos memoráveis, num ambiente único e rodeada de pessoas que acreditam no mesmo Deus que nós. A partir de agora, tudo será diferente, também por isso. Os desafios serão outros.

Por isso, esta festa teve a sua importância. Ela fez de avó Rosa numa peça de teatro, cantou sozinha e esteve confiante a gozar o momento. Fiquei tão feliz, especialmente por ela, por estar tão feliz.











24 junho 2010

23 junho 2010

Aposto

que deve haver um estudo científico qualquer que comprova que, depois de um Fizz limão, a produtividade no trabalho aumenta.



"Hei, meninos, o que é que vocês estão a fazer?"

Marta: "A brincar aos namorados!"



21 junho 2010

Bebé+trabalho no computador




Ingenuidade de criança

A explicar à Maria porque é que fora de casa dou de mamar com uma fralda por cima.

Reacção dela: "Ó mamã, mas ninguém se ia rir de ti..."

Não é lindo?

Mais aqui.


17 junho 2010

16 junho 2010

Tiago, 1 ano

O meu sobrinho mais novo completa hoje 1 ano. Mimadinho, gorducho e bem disposto.
Viva o Tiago!

4 filhos, todos diferentes










Por curiosidade, enquanto aguardava na sala de espera pela minha vez, comparava os pesos dos filhos, na consulta do 1º mês. As diferenças entre eles são grandes, mesmo tendo como único alimento a minha pessoa. Isto prova que as crianças são todas diferentes, mas que ao contrário das 1001 teorias da amamentação, o estado de saúde da mãe também deve contar. Eu estou medicada, os meus valores de fígado ainda não normalizaram e nada me tira da cabeça que isto influencia não a quantidade (que tenho para dar e vender) mas a qualidade do leite.

Com 6 semanas, a Maria pesava 3830g e media 54cm.
Com 7 semanas, a Marta pesava 4980g e media 55,5cm.
Com 6 semanas, o Joaquim pesava 3720g e media 53,5cm.

Nas fotos, Maria, Marta, Joaquim e Caleb. Todos com 1 mês de idade.



15 junho 2010

Consulta do 1º mês (às 5 semanas)

Peso: 2935g
Altura: 50cm
Perímetro cefálico: 36cm

Metido no sling, a pediatra encantou-se com os sons de satisfação que o Caleb faz quando lá está enfiado. "Parece um gatinho a ronronar" - e parece mesmo. Já tem quase 3 quilinhos, mas as tabelas de percentis ainda não lhe servem. Continua completamente fora. De resto, tudo bem. Vamos dar-lhe umas gotas naturais diárias para funcionamento dos intestinos, assim bem como manteremos um pequeno suplemento diário que tem desde os 15 dias, depois de mamar.

Coisas que ela inventa

Recorta, agrafa, cola, fura, escreve, pinta, dobra. Não há pessoa que venha cá a casa que não saia com recordações. Tenho um saco de cartão cheio destas coisas dela.


Maria: "Mamã, estás a olhar para uma nuvem, porque tu gostas muito de nuvens."


Final da tarde




É isso.




14 junho 2010

11 junho 2010

Caleb, 1 mês




31 dias. Estas primeiras semanas foram muito tranquilas. Aqui em casa, já estávamos habituados a sermos alguns, e foi como se o Caleb chegasse e sempre tivesse feito parte. O mérito também é dele, desde o primeiro dia que é muito calmo. Se ao início o acordava para mamar de 3 em 3 horas, agora é ele que dita este ritmo durante o dia. À noite, dorme 6 horas seguidas, o que nos traz noites mesmo muito descansadas (na prática, acordo uma vez e já de madrugada). Começa a manter-se mais tempo acordado e reage muito aos irmãos (ontem deu o primeiro sorriso para a Marta, até agora os sorrisos tinham sido todos meus).
Ainda estamos para descobrir como virá a ser este pequeno homenzinho, mas como me dizia uma amiga "Estas primeiras semanas pacíficas já ninguém nos tira". Não podiam ter sido melhores.