19 outubro 2010

Protesto original: deputada leva recém-nascida para o Parlamento


O artigo pode ser lido aqui.

A grande, grande diferença, é que se isto fosse feito em Portugal, seria sempre visto com orgulho ("Vejam bem, ainda agora deu à luz e já voltou ao trabalho, assim concilia a carreira com a maternidade"), nos outros países já é visto como uma vergonha. Ainda temos tanto que aprender neste cantinho à beira-mar plantado.