02 dezembro 2011

As coisas que têm a minha cara

custam quase sempre mais do que a minha carteira pode pagar. Excepto quando ficam com 60% de desconto.