30 outubro 2013

Sorrir sem medo.

Quando leio Provérbios 31, há muita coisa que me inquieta e que não vejo em mim, mas talvez o que mais admiro nas mulheres que são para mim uma referência cristã, e que ilustram este tipo descrito nesta passagem da Bíblia, é aquilo que comumente chamamos resiliência, ou então mais pateticamente, optimismo. Sorriem, sempre. Não vacilam, mesmo que abaladas.

Gosto muito deste versículo em inglês (em algumas traduções também se lê: "she can laugh at the days to come"), porque a frase com que encerra no versículo 25, diz aquilo que eu quero mesmo ser: uma pessoa que sorri, sem medo do futuro. Porque o futuro pertence a Deus.