25 novembro 2013

Coisas que me comovem?

Em todos estes anos, e em especial nestes últimos tempos, sinto em determinados momentos um sustento que não se explica, os acontecimentos dão-se numa sequência difícil de colocar em palavras, as contrariedades superam-se uma a seguir à outra, há momentos em que vêm novas e parecem momentaneamente intransponíveis, e depois existe uma certeza inabalável de que não há nada que nos possa derrubar ao ponto de perdermos a esperança.

O dia novo torna a nascer, e traz sempre revelações novas e surpreendentes. Mais tarde, confirmamos aquilo que no fundo, já sentíamos: há alguém que nos carrega em oração.