30 abril 2014

Sonhar custa zero.

A seguir ao sonho de termos uma autocaravana, suspiramos por um cruzeiro. Gostamos do mar, do conceito cidade ambulante e da magia. O marido diz que é quando fizermos 25 anos de casados. Será?

Sintonia





29 abril 2014

!

"Ó Papá, o Joaquim diz que eu sou queixinhas..."

28 abril 2014

2004 e 2010.

Há 10 anos eu estava assim, à espera:


 E há 4 anos eu também estava assim, à espera:


A Maria conta os dias, as horas -e até acredito que os minutos - para  ter duas mãos cheias de anos.
O Caleb pergunta à Maria quantos dias faltam para ter finalmente 4 anos.

Aqui a mãe entra em época aberta de nostalgia.

(a primeira foto foi tirada pelo Tiago, a segunda pela cunhada Selma)


Lufada de ar fresco

Vinha sozinha, depois de um dia particularmente cansativo e em que, como sempre depois de esforços feitos, penso: vale a pena.

Ameaçava chover, e lá ao longe o sol iluminava, como se de uma luz ao fundo do túnel se tratasse.
Nestas alturas, é parar e agradecer. Mais um dia em que Deus nos renovou as forças.






24 abril 2014

!


Mãe: "Tu um dia vais ter muitos filhinhos e vais ser um pai muito extremoso..."
Filho: "Não, mamã, eu vou ser para sempre o teu filho."



Entorse


Um pé inchado e ida às urgências. A minha filha número dois já não é definitivamente uma criancinha, carregá-la às cavalitas é duro!
Sabemos que esta é a pior filha para imobilizar num cenário destes quando a pediatra insiste para ir numa cadeira rodas para ortopedia e ela insiste que consegue ir a pé coxinho.
Cinco corredores depois, várias curvas, portas e macas a esbarrar contra nós, chegamos à ortopedia. Na hora de ser examinada fecha os olhos com dor, em vez de gritar. "Podes dizer que dói!" diz-lhe o médico. Siga. 
Agora vamos ver quantas vezes em casa tenho de lhe relembrar que é para ficar quieta. Tanta criança no mundo (algumas aqui de casa) desejosa de apanhar uma overdose de desenhos animados e um dia todo no sofá, e logo havia de calhar uma entorse a esta...

(Os corredores do SFX merecem a pena ser percorridos.)
  - Fotos com o tel.-


Este Papá...

A chegar de um passeio a pé bastante longo, pai moraliza sobre o cansaço:
"Vocês quando forem crescidos vão lembrar estes passeios e dizer que fomos muito felizes!"
Joaquim:" Ó Papá, tu só dizes coisas românticas..."


22 abril 2014

Há um ano

dei o meu testemunho na Igreja. Coloco-o aqui em versão audio, até porque a versão com imagem não se ouve bem. Quem pediu e tinha curiosidade, aqui está. É só clicar na seta.



21 abril 2014


Há 13 anos, Deus chamava para Si de uma forma muito pacífica, após anos de muito sofrimento, a minha avó materna. As previsões médicas apontavam para uma partida difícil, sendo que a avó dependia de oxigénio nos ultimos anos de vida. Deus quis contrariar este cenário quase garantido e permitiu que os momentos antes de a levar para junto dele fossem tranquilos e rodeada dos seus.

Ficar junto a alguém que amamos no momento em que o seu corpo deixa de ter vida é uma dor muito grande, mas também um grande privilégio. Choro sempre que me recordo da avó que tive, porque foi um exemplo de simplicidade como ainda não encontrei em mais ninguém. Mas agradeço muito a Deus porque ainda a tive na minha vida 24 anos, pela forma como escolheu levar a minha avó nesse 21 de Abril de 2001 e porque nesse dia desisti de ir à Gulbenkian ver um filme de animação e estava em casa.

Ressuscitou!

Todos os domingos são de ressurreição, mas neste vale ainda mais a pena reforçar o motivo pelo qual somos cristãos: Cristo venceu a morte e graças a isso temos vida e vida para sempre.

Acordar às 5 da manhã é um privilégio, recordar a escuridão em que as mulheres se dirigiam ao sepulcro para tratar do corpo de Jesus e descobriram que Ele não estava lá!

Tomar o pequeno-almoço com esta grande família, comemorar baptismos que simbolizam a morte para a velha vida e o renascer para toda a eternidade.

A Páscoa é isto.


















20 abril 2014

Vivo!


"E foi Maria Madalena anunciar aos discípulos: Vi o Senhor!" João 20

19 abril 2014

Morto e sepultado.


"Depois disso José de Arimatéia pediu a Pilatos o corpo de Jesus. José era discípulo de Jesus, mas o era secretamente, porque tinha medo dos judeus. Com a permissão de Pilatos, veio e levou embora o corpo. Ele estava acompanhado de Nicodemos, aquele que antes tinha visitado Jesus à noite. Nicodemos levou cerca de trinta e quatro quilos de uma mistura de mirra e aloés. Tomando o corpo de Jesus, os dois o envolveram em faixas de linho, com as especiarias, de acordo com os costumes judaicos de sepultamento. No lugar onde Jesus foi crucificado havia um jardim; e no jardim, um sepulcro novo, onde ninguém jamais fora colocado. Por ser o Dia da Preparação dos judeus, e visto que o sepulcro ficava perto, colocaram Jesus ali."

João 19:38-42

18 abril 2014

Resgatado da culpa.



Os meus olhos não viram a cruz
Mas minhas transgressões estavam lá
Resgatado da culpa eu só posso cantar
Do perdão que essa morte me dá.

Lá na cruz, um homem que era Deus
Padeceu pelo homem vulgar
Tirou-me dos réus e abriram-se os céus
Está no sangue o convite para entrar.


O sepulcro aberto eu não vi
Mas toda a minha fé vem de lá
Então louvo tal feito e só posso cantar
Salvação que essa vida me dá.

A ascensão não foi vista por mim
Mas um dia subirei para lá
Meu futuro será um constante cantar
Novo lar, esse eterno me dá.

Sexta-feira santa.

Vermelho do sangue, castanho da cruz, azul do céu para onde vou morar.
Gosto de pensar que aquilo que visto espelha o que me vai no coração.



17 abril 2014

A um dia de recordarmos o dia mais triste de sempre.




Dias de despedidas - 4






Fotos com o tel.

Páscoa todos os dias

Ouvir testemunhos na Igreja não é apenas escutar daquilo que Cristo faz na vida de cada um. É comprovar o efeito da Páscoa nos dias de hoje. O sangue derramado na cruz, cada gota, a ira do próprio Deus contra o Seu Filho, tudo por nossa causa. Só um sacrifício com este poder pode mudar e transformar vidas, todos os dias, 2000 anos depois.

14 abril 2014

12 abril 2014

Dias de despedidas - 2

Encontrar um bilhete deixado pela sobrinha Joana.

Dias de despedidas - 1

Vou com as meninas e sobrinhas buscar os rapazes à escola.

Joaquim: "Vocês sabiam que eu ando no ténis? Hoje tive ténis!"
Sobrinha Júlia, 5 anos e meio: "Sim, Joaquim, mas eu não gosto muito de ténis, prefiro saltos altos!"

10 abril 2014

O Deus que se revela na Criação e nas Escrituras.

 Mais uma Conferência Fiel! Logo que coloque os meus apontamentos em dia, partilharei algo do muito que aprendi.




 O grupo da nossa Igreja com o Pr. Gerard Hemmings,

e com o Prof. Adauto Lourenço.

Nunca tive queda para os louros.

Mas Deus inventou este para mudar de ideias.

09 abril 2014

Deus inventou, criou e cuida.



Não há nada que exista que Deus não domine, não tenha determinado que aconteça e cuide. Que conforto.