18 outubro 2017

Impiedoso, o tempo.


O ano lectivo começou há precisamente um mês. Plastificámos dezenas de manuais, fizemos planeamentos, desenhámos estratégias para que estes meses que se seguem sejam combatidos e vividos sempre de melhor forma. Custou ter o despertador a tocar novamente às 6h50, pegar em sacos e saquinhos, viagens constantes. O calor só agora começa a desaparecer, depois de vermos grande parte do nosso país (novamente) a arder.

Gostava de vos contar como foi o nosso Verão, entre férias e compromissos fora de Portugal. Vamos ver se consigo passar para escrito aquilo que gostava de nunca me esquecer. Só não sei por onde começar.