18 dezembro 2017

Advento, dia 18



Sabes o significado do teu nome? Houve em tempos um homem chamado Isaías, cujo nome significa: “Deus vem salvar-te”. Parece um significado engraçado mas era o nome perfeito para Isaías porque Deus iria dar-lhe uma profissão muito especial. Sabes, a profissão de Isaías era ouvir Deus e contar às pessoas o que Deus lhe tinha dito.

Deus contou um segredo a Isaías. Deus iria reparar este mundo quebrado. Ele mostrou a Isaías o seu plano secreto de resgate, uma operação chamada: “Acabaram-se as lágrimas!”
Esta foi a mensagem que Deus entregou a Isaías (foi uma espécie de carta que escreveu ao seu povo):

“Querido rebanho,
Andas afastado de mim, tal como uma ovelha num campo aberto. Há muito que foges e andas por aí sem mim. Estás perdido. Não sabes o caminho de regresso. O meu amor por ti não termina. Vou ter contigo, e por isso vou enviar um pastor que tome conta de ti e te ame. Um pastor que te traga de volta a mim.
Tens andado a cambalear, como se de um quarto escuro se tratasse. Mas nessa escuridão, uma luz brilhante irá surgir!

Um pequeno bebé nascerá. Uma criança real. A sua mãe será uma moça jovem que não tem marido. O seu nome será Emanuel, que significa: “Deus veio habitar entre nós”. Ele é da família do rei David. O Príncipe da paz.

Sim, alguém vai ao teu encontro para te resgatar! Mas ele não será quem toda a gente julga. Será um rei! Mas não viverá num palácio. Não será rico, pelo contrário, será pobre. E será um servo. Mas este rei trará cura ao mundo.Será um guerreiro! Lutará pelo seu povo, e protegê-lo-á dos seus inimigos. Mas ele não terá um grande exército, nem lutará com espadas. Ele fará com que o cego passe a ver, e com que o coxo passe a correr! Fará com que tudo fique da forma como foi criado.

Mas as pessoas irão odiá-lo, e não lhe darão ouvidos. Será como uma ovelha – sofrerá e morrerá.Este plano secreto de resgate está planeado desde sempre – muito antes de o mundo ter sido criado!Esta será a única forma de te trazer de volta.
Mas ele não ficará morto – Farei com que viva novamente!
E um dia, quando ele regressar para reinar para sempre, as montanhas e as árvores cantarão de alegria! Toda a terra gritará! A sua fama encherá a terra, tal como a água cobre o mar. Tudo o que é triste desaparecerá. Até a morte irá morrer! E ele limpará de todos os olhos toda a lágrima.
Sim, o resgatador virá. Esperem por ele. Esperem por ele ansiosamente. Prometo!”

Pobre Isaías, leu esta carta dezenas de vezes ao povo, mas ninguém o ouvia, de todo. Nada. Não queriam saber das promessas de Deus. Não acreditavam nele. Será que soava demasiado bom para ser verdade? Uma história que acaba bem, com “felizes para sempre”. Parece um conto de fadas, não parece? E como qualquer pessoa te dirá, os contos de fada não são verdadeiros, pois não?

 Ou será que são?